Sistema Estadual de Cultura é aprovado pela Assembleia Legislativa do Paraná

Sistema Estadual de Cultura é aprovado pela Assembleia Legislativa do Paraná

Com todos os pareceres favoráveis, o projeto de lei que institui o Sistema Estadual de Cultura (SEC-PR) foi aprovado, na última terça-feira (15), pela Assembleia Legislativa do Paraná (ALEP), em primeira votação e por unanimidade. A matéria voltará ao plenário para mais duas votações e ainda poderá sofrer emendas.

Mesmo no aguardo de todas as resoluções, o projeto é visto como vitorioso no circuito cultural e artístico, pois vai inserir o estado no Sistema Nacional de Cultura, que existe desde 2012. Isso significa, entre diversas benesses, que o estado passará a viabilizar a sua participação em editais de programas federais garantindo a transferência de recursos.

Outra conquista que a SEC-PR prevê é de organizar, de forma integrada e sistêmica, as diversas instâncias envolvidas e instrumentos legais voltados à cultura paranaense. O SEC-PR será composto pelo Conselho Estadual de Cultura (Consec), Conferência Estadual de Cultura e Comissão Intergestores Bipartite (CIB).  Embora os órgãos já existam e sejam atuantes, agora passa a ter maior respaldo legal por meio do sistema.

O gestor cultural Miguel Fernando, que foi membro do Conselho Estadual de Cultura, quando a proposta foi protocolada na ALEP, destaca: “Trata-se de um avanço significativa sob o ponto de vista de planejamento da gestão pública da Cultura e das Artes do Paraná. Como uma política de Estado, e não mais como desta ou daquela administração, os agentes paranaenses da cadeia produtiva cultural, artística e criativa poderão contar com um instrumento amparado por uma potente legislação”.

Comentários

comentários

Sobre o autor

Você também poderá gostar

Notícias
Notícias

Oito projetos maringaenses são aprovados na Análise Prévia do Profice

O Programa Estadual de Fomento e Incentivo à Cultura (PROFICE) é um dos mais importantes editais do Paraná. No resultado da fase de Análise Prévia do edital nº 002/2019, divulgado

Notícias

Projeto cultural “Stone Face” aborda urbanidades maringaenses por meio do teatro

A proposta é repensar o espaço urbano a partir de intervenções artísticas inspiradas em Buster Keaton e Federico García Lorca; o projeto é executado com recursos do Prêmio Aniceto Matti