Larissa Marega lança segundo livro  com peças teatrais musicais

Larissa Marega lança segundo livro com peças teatrais musicais

A atriz, diretora e professora Larissa Marega lança seu segundo livro no próximo dia 18 de agosto. “Para cantar o teatro” traz os textos teatrais de “Airumã” e “As 4 estações”, espetáculos musicais que foram encenados pelas turmas de Larissa. A publicação é patrocinada pelo Prêmio Aniceto Matti, da Secretaria Municipal de Cultura e traz ilustrações de Gustavo Sabaini.

Esta é a continuidade de uma série que teve início em 2017, também com recursos do Prêmio Aniceto Matti, quando foi publicada a coletânea “Para ler o teatro”, que trazia quatro textos dela. Segundo a autora, desta vez o objetivo é entrelaçar música e teatro por meio de histórias literárias positivas, que abordam a temática da empatia e das relações humanas, seja em uma tribo indígena (“Airumã”), seja em uma viagem pelo trem da vida, metáfora da existência humana (“As 4 Estações”). “O segundo livro é um marco muito significativo para nossa cidade, são textos que trazem possibilidades musicais, já que contêm as cifras na íntegra. Estou bastante esperançosa para que grupos de teatro e músicos se aventurem a realizar essas montagens”, conta.

Com um número significativo de personagens (“Airumã”, por exemplo, foi apresentada em 2015 com 66 alunos no elenco e “As 4 estações”, de 2017, tinha 35 em cena), as peças são escritas para emocionar, divertir e fazer pensar, pois trazem reflexões sobre a convivência com o outro e sobre autoconhecimento. Nesse sentido, a autora reforça a importância de se pensar teatro e música como artes complementares e de como elas podem emergir da literatura, isto é, de uma obra escrita.

 

O livro trará também depoimentos de alunos que participaram das encenações na escola. “A experiência de palco e o contato com o público é o mais marcante para eles. Cantar, sem dúvida, foi um desafio e tanto”, adianta Larissa, que revela ter planos de publicar muitos outros livros.

No lançamento a coletânea será distribuída gratuitamente para 240 pessoas, na Fundação Luzamor. A entrada é franca. Haverá, também, apresentação de números musicais sob a batuta de Édipo Leandro e Denise Pimentel; cenas teatrais que ilustram a obra; conversa com a autora e mesa de autógrafos.

Sinopses:

Airumã, que em tupi significa “estrela da manhã”, é uma tribo indígena que vive a semente da partilha e da fraternidade e é também uma filosofia de vida: viver Airumã é olhar para o outro e pelo outro; é viver verdadeiramente em comunidade. O conflito da história é protagonizado por Za Zu, o feiticeiro das Masmorras, que representa o mal da humanidade. Ele escolhe destruir o que existe de mais puro em Airumã, o amor, personificado pelos enamorados Luna e Raoni.

As Quatro Estações: Um menino, que pode ser eu ou você. O menino. Cheio de interrogações… Um menino que sonha sua vida em uma viagem de trem; a roda da vida em quatro estações, da infância à velhice. Dos encontros possíveis. Daqueles improváveis. Uma fábula que abraça a alma. Sobre um protagonista que é coadjuvante.

 

Serviço:

 

Lançamento da coletânea Para Cantar o Teatro, de Larissa Marega

Data: 18 de agosto (domingo)

Horário: 15h

Local: Fundação Luzamor Maringá

Entrada gratuita

 

Comentários

comentários

Sobre o autor

Você também poderá gostar

Local

‘Criança em Cena’ abre inscrições

Projeto cultural que disponibiliza oficinas gratuitas de teatro para crianças e jovens de Maringá, Iguatemi e Sarandi abre inscrições dia 1º/4 A partir do próximo dia 1º de abril estarão

Notícias

Museu da Língua Portuguesa em São Paulo deve ser reaberto

Projeto de reconstrução do local, atingido por um incêndio, começa nesta segunda O Museu da Língua Portuguesa, atingido por um incêndio em dezembro, deverá ser reaberto em 2018. O projeto

Notícias

SEEC produz vídeo tutorial sobre como enquadrar projetos no PROFICE

A Secretaria de Estado de Cultura do Paraná, por meio da Coordenação de Incentivo à Cultura, comunica a todos os gestores municipais de cultura do Estado do Paraná que, devido