3ª Mostra de Teatro Estudantil se encerra neste sábado

3ª Mostra de Teatro Estudantil se encerra neste sábado

Espetáculo acessível será apresentado no Teatro Calil Haddad

Após sete dias de apresentações, realizadas entre 9 e 15 de setembro, termina neste sábado a terceira edição da Mostra de Teatro Estudantil – MOTEM, idealizada pela Forféu Atividades Artísticas e patrocinada pela Viapar. O espetáculo de encerramento será no Teatro Calil Haddad a partir de 20h.

Nove grupos formados por alunos de ensino fundamental e médio ocuparam os palcos da cidade com espetáculos que mostravam diversidade de linguagens e de temas. Esse ano a Mostra teve um número maior de escolas da região, pois participaram grupos de Campo Mourão, Cruzeiro do Oeste, Paiçandu e Sarandi, além de Maringá e distrito de Iguatemi. Cerca de 1200 pessoas prestigiaram os sete dias de apresentação, número que deve aumentar com o espetáculo de encerramento.

“Foi uma semana repleta de cultura, de novas experiências e de aprendizagens. Tivemos uma prova de que o teatro também é uma ferramenta para educação”, comenta o diretor geral da mostra, Alan Gaitarosso. “O público deste ano foi o mais diversificado: recebemos os alunos da Anpacin (Associação Norte Paranaense de Áudio Comunicação Infantil) e da ANPR (Associação Norte Paranaense de Reabilitação), muitos dos quais jamais haviam estado em um teatro”, comemora. Além disso, a organização fretou ônibus para levar algumas escolas da rede pública de educação.

Os principais objetivos da MOTEM são incentivar a arte teatral nas escolas de educação básica; promover a integração do grupo escolar; aprofundar discussões sobre a importância do trabalho artístico nas escolas; além de fomentar a cultura, o lazer e o entretenimento. “Encerramos esta edição com as energias renovadas, com todas as expectativas alcançadas e com novas metas para o ano que vem”, diz Gaitarosso.

Encerramento

A noite de encerramento é marcada pela entrega dos prêmios de participação e apresentação teatral. Este ano haverá uma sessão do espetáculo “De tudo quanto é gente”, da Cia Forféu, que estreou recentemente. O evento começa às 20h no Teatro Calil Haddad, com entrada gratuita. Haverá intérpretes de Libras.

No Cortiço “Fuzuê” mora gente de tudo quanto é jeito e com tanta gente diferente a confusão é garantida e a fofoca corre solta! A peça convida o público a observar pela janela o cotidiano do cortiço e a história de cada personagem. Assim, acompanhamos o amor maduro de vó Zildinha e Seu Jaime, as estripulias de Tito, as brigas de Mirian e Mirena e as longas orações de Tia Alda. Todas as confusões dos personagens são contadas com muito humor e poesia. No enredo são abordadas relações interpessoais cotidianas, tema que se encaixa na proposta de acessibilidade do projeto.

O texto é de Carolina Santana; a direção é de Alan Gaitarosso e Flávio Amado. Em cena Eloisa Pimentel, José Paulo, Lucas Oliveira, Márcia Costa, Nelsilene Buisa, Rafaela Mattos e Renan Gustavo. Intérpretes de Libras: Francielle Lopes e Maria Helena.

 

Serviço:

3ª Mostra de Teatro Estudantil de Maringá

Informações: www.mostradeteatroestudantil.com.br

 

Encerramento

16/09 sábado às 20h no Teatro Calil Haddad

Espetáculo “De tudo quanto é gente”

Entrada gratuita

 

Lei de Incentivo à Cultura

Patrocínio: Viapar

Apoio: Prefeitura Municipal de Maringá – Secretaria de Cultura, UEM – Diretoria de Cultura e Departamento de Artes Cênicas.

Fomento à Cultura: Instituto Cultural Ingá

Realização: Forféu Atividades Artísticas

Ministério da Cultura – Governo Federal

 

 

Comentários

comentários

Sobre o autor

Você também poderá gostar

Local

ICI abre seleção para Oficina Técnica sobre Lei Rouanet

Os interessados deverão preencher pré-inscrição e 30 participantes serão selecionados Com o objetivo de ampliar a atuação de artistas, produtores, agentes, idealizadores, gestores ligados ao campo da Economia da Cultura

Notícias

Mostra de teatro “A arte em cena” é gratuita e conta com interpretação em Libras

Um novo projeto se inicia essa semana em Maringá. Trata-se da mostra “A Arte em Cena”, que ocorre de 4 a 8 de dezembro no teatro do Colégio Platão. Proposto

Notícias

Lei Rouanet não é “boca livre” da cultura brasileira

Henilton Menezes para o Cultura e Mercado Ontem, o Brasil foi acordado com mais uma operação da Polícia Federal, denominada “Boca Livre”, numa referência a uma festa de casamento que