Mais de 40 mil pessoas visitaram a 3ª FLIM

Mais de 40 mil pessoas visitaram a 3ª FLIM

A 3ª Festa Literária Internacional de Maringá (FLIM), realizada entre os dias 13 e 18 de setembro, movimentou a cidade alcançando um público de aproximadamente 8 mil visitantes por dia. O evento promoveu encontros com grandes escritores, debates com renomados nomes da literatura, feira de livros, participação de autores em palestras, oficinas, bate-papo e shows abertos para toda a comunidade.

Neste ano, dois grandes nomes da cultura nacional foram homenageados: o jornalista e escritor gaúcho Caco Barcellos e a escritora carioca, Ana Maria Machado. O patrono desta edição foi o pioneiro Antônio Mário Manicardi, o Nhô Juca, que chegou a Maringá em 1952.

Além de promover mais de 100 atividades, todas gratuitas, a FLIM reuniu grandes editoras de todo O Brasil, oferecendo descontos de até 50% nos valores dos livros. A Festa Literária foi encerrada com o show de Wagner Barreto, ganhador do The Voice Kids.

Outros destaques do evento foram as oficinas de poesias, trovas, minicontos e ilustração, além da realização de espetáculos musicais e teatrais, todos relacionados com o universo literário. A FLIM ainda contou com a participação das Secretarias Municipais de Saúde Cultura, Saúde, Educação, Desenvolvimento Econômico, Assistência Social e Cidadania, Esporte e Lazer e da Mulher que levaram os serviços e orientações para os visitantes.

 

Principais atrações

A Festa Literária Internacional de Maringá (FLIM), organizada pela Secretaria de Cultura, chegou em sua terceira edição e a primeira Internacional.

No primeiro dia da Festa Literária, a comunidade pôde participar de uma palestra com os homenageados, Caco Barcellos e Ana Maria Machado. Já no segundo dia, uma das principais atrações foi o bate-papo com o escritor português, António Vilhena, que lançou seu livro “Cartas a um amor ausente”.

No terceiro dia da FLIM, duas autoras maringaenses lançaram seus livros. Além disso, o norte-americano William Gordon e o francês Eric Chartiot foram as atrações deste dia. Um dos destaques do quarto dia foi o escritor mexicano Juan Pablo Villalobos, que participou de um bate-papo, mediado pelo jornalista Wilame Prado, sobre “A influência dos espaços na produção literária”.

Já no penúltimo dia da 3ª FLIM, o público pôde contar com uma palestra, que lotou o Auditório FLIM, e com um show aberto de Tom Zé, que reuniu cerca de 5 mil pessoas. Por fim, a Festa contou com o show de Wagner Barreto, também aberto ao público, e reuniu cerca de mil pessoas.

14322572_10202395896374847_3168485058024899497_n

Comentários

comentários

Sobre o autor

Você também poderá gostar

Notícias

Lei Rouanet precisa de reforma e deve incluir empresas com lucro presumido, diz Calero

Ministro da Cultura participou de encontro com artistas e gestores na OAB-SP do site do Jornal O Globo O ministro da Cultura, Marcelo Calero, reforçou nesta quarta-feira, durante encontro na

Local

Maringá ocupa 2º lugar, no Paraná, em captação de recursos da Lei Rouanet

Instituto Cultural Ingá é responsável por 60% da captação total da cidade. Em 2017, R$ 3.025.521,92 foram aplicados em cultura e arte Os resultados que evidenciam o bom desempenho do

Projetos 0 comentários

Florescerro prepara novidades para apresentações na região

Circulação viabilizada pelo Viapar Cultural vai levar o espetáculo de Maringá para Campo Mourão, Paranavaí e Cascavel A maturidade da cena cultural de uma cidade depende diretamente da forma que