ICI presta homenagem à empresas apoiadoras
6 de junho de 2016 553 Visualizações

ICI presta homenagem à empresas apoiadoras

Solenidade será realizada na noite dessa segunda-feira, dia 06, no Auditório Dr. Miguel Kfouri Neto (Acim)

Aproximar e viabilizar a participação da iniciativa privada em projetos culturais sempre foi um dos principais objetivos das ações do Instituto Cultural Ingá. Nessa perspectiva, a solenidade que será feita na noite dessa segunda-feira prova que o caminho está sendo trilhado. Serão 20 empresas homenageadas pelo apoio que deram aos projetos fomentados pelo Instituto no ano de 2015, o que mostra o interesse cada vez maior dessa classe na promoção da cultura.

O marketing cultural é uma ferramenta da comunicação empresarial que utiliza de produções artísticas, históricas ou educativas para difundir o nome, produto ou fixar a imagem de uma empresa apoiadora. Ao destinar verba para tal produção, seja via renúncia fiscal ou patrocínio direto, a empresa trabalha pela sua diferenciação no mercado, demonstra responsabilidade social e também aposta em uma forma de comunicação mais criativa.

Coopercard, G10 / Transpanorama, Lowçucar, Unimed, Sanches Tripoloni, Nipponflex, Sicoob, Bancoob, Ferrari & Zagatto, Sanepar, Fertipar, Crivialli do Brasil, Recco, Copel, DB1, Itaú, IG, Sancor Seguros, Viapar e Hotsoft escreveram seus nomes na história da produção artística da região ao apoiar shows, peças, festivais e outras produções. Chegou a hora de reconhecer e ratificar esse apoio com uma obra de arte do maringaense Zanzal Mattar e a liberação do uso do selo exclusivo do ICI, “Empresa Amiga da Cultura”, pelos próximos doze meses.

Comentários

comentários

Sobre o autor

Você também poderá gostar

Notícias

Mestre das sete cordas: cinco videos de Yamandu Costa

O violonista gaúcho, que se apresenta em Maringá no próximo sábado (dia 20), tem no currículo apresentações em parceria com nomes consagrados da música brasileira Com 36 anos, Yamandu Costa ostenta

Notícias

“Pela cultura se constrói a identidade de uma sociedade”

Medir o bem-estar de uma sociedade é algo complexo. São mais de sete bilhões de pessoas espalhas pelos quatro cantos do globo e com enorme diversidade nos mais diferentes aspectos

Nacional

O Brasil perde Tunga, o primeiro contemporâneo a expor no Louvre

Antonio José de Barros Carvalho e Mello Mourão, conhecido como Tunga, faleceu nesta segunda-feira, dia 6,  aos 64 anos, no Rio de Janeiro, vítima de câncer. Considerado um dos maiores nomes