Criatividade como promotora de desenvolvimento

A criatividade entrou para a pauta do dia. Indústrias criativas, economia criativa, empreendedorismo criativo, classe criativa. “Criatividade virou a bola da vez – o que é péssimo, já que corremos o risco de banalizar um conceito, antes de realmente entendê-lo”, afirma a especialista Ana Carla Fonseca Reis.

Se criatividade é importante desde que o mundo é mundo, por que assumiu tanto protagonismo nos dias de hoje? O que há de concreto na proposta de economia criativa? Economia criativa é economia da cultura, é ciência, não é nada disso, isso tudo? O que é necessário para converter a criatividade em um recurso promotor de desenvolvimento?

Leita o texto completo clicando aqui.

Comentários

comentários

Sobre o autor

Você também poderá gostar

Nacional

O papel do marketing cinematográfico

Balanço de acompanhamento de mercado da Agência Nacional do Cinema (Ancine) divulgado nesta quinta-feira (20/8) indica que o público das salas brasileiras segue em trajetória de alta, somando 90,4 milhões de

Notícias

Iberescena abre seleção de projetos para 2016-2017

Estão abertas as inscrições para a convocatória 2016/2017 do Fundo de Ajuda para as Artes Cênicas Ibero-americanas (Iberescena). Com objetivo de promover a construção de um espaço cênico na região,

Notícias

FEVUEM abre as inscrições para a segunda edição

Festival de Vídeos da Universidade Estadual de Maringá contempla estudantes com produções audiovisuais; evento acontece entre os dias 5 e 7 de dezembro A segunda edição do Festival de Vídeos da

0 comentários

Nenhum comentário ainda!

Você pode ser o primeiro a comentar!